×

Corrigir

O Rap do Guasca

Xiru Missioneiro

Fala ai tchê!
Essa é a história de um guri,
que se criou domando numa estância
e se guasqueou pro povoado
e um dia voltou bem loco e atarentado me disse:
-Seguinte, saquei teu lance pô...

Esse piá tá sempre loco
De chera pó de reboco toma chá de guabirova
Funga na cola da égua
Pita foia de macega e come até chapéu de cobra
Já escuitei até um papo
De lamber lombo de sapo pra ficar numa legal
Que o barato de tão forte
Faz o cuera tocar xote e dançar um rock'n'roll

Ei tchê meu larga di se bad boy
Vem curti um outro lance tá manero esse barulho
Dá 171 na mina que só cola no teu pé
Se não os bode vem pra cima e vaum dizer

"-Qualé ai teu? vai come o baguio aí pô?"
-Não da nada aí meu, o lance ta legal...

Anda sempre desligado
Num matungo envenenado que só come erva daninha
Esse boy fora de moda
Passa três dia de bode espantando corujinha
Toma chá de carapicho
Fica doido vira bicho entra numa de animal
Bebe um garrafão de vinho
E ainda diz que o bagulinho dexa a gente tri legal

"- Qualé ai teu? vai come o pagulho aí pô, ou vai dexa
pra mim?"

Tchê guri ve se te ajeita
Porque essa cabeça feita vai fica lelé depois
Nisso tudo o que mais dói
É querer ser bad boy e ser só um pé-de-boi
Larga a vida de magrão
E volta pro teu rincão arranca tatu da toca
Vem domar as tua potranca
E se sentir fome de branca cheira farinha de mandioca

"- Qualé ai teu? vai come o bagulho ai porra, ou vai dexa
pra mim leva pra casa?"

"Qualé ai teu? vai come o bagulho ou vai inrola pa leva
pa casa pô?"


Veja também



Mais tocadas

Ouvir Xiru Missioneiro Ouvir